Política de Cookies

Este website utiliza cookies que facilitam a navegação, registo e recolha de dados estatísticos.
Ao prosseguir a navegação com cookies ativos está a consentir a sua utilização.
A informação armazenada nos cookies é utilizada exclusivamente pela Norgarante.Saiba mais

Compreendi
LAE grandes eventos culturais
Apoio ao Desenvolvimento de Negócio
LAE federações desportivas
Sucessão Empresarial e Incremento de Escala
Linha de Apoio a Economia COVID 19 micro e pequenas empresas SPGM
Linha Apoio à Economia
Apoio à Economia Covid 19 agências de viagens
Linha de Apoio ao Sector Social COVID-19
BPF_prorrogação dos períodos de carência de capital
Asset 1

Linha Específica COVID-19 Apoio às Empresas dos Açores

Solicite uma garantia
150 milhões euros

Apoiar a tesouraria das empresas da Região Autónoma dos Açores

Linha Específica COVID-19 Apoio às Empresas dos Açores

Objetivo

Lançada pelo Governo Regional dos Açores, em parceria com o Banco Português do Fomento, o Sistema de Garantia Mútua e os Bancos, a Linha Específica COVID-19 Apoio às Empresas dos Açores tem uma dotação global de 200 milhões de euros destinada a apoiar as empresas da Região Autónoma dos Açores, que não acederam às anteriores linhas de crédito criadas para o apoio à economia no âmbito da pandemia resultante do novo coronavírus. 

A quem se destina

Micro, Pequenas e Médias Empresas, (tal como definido na Recomendação 2003/361/CE da Comissão Europeia), devidamente certificadas por Declaração Eletrónica do IAPMEI (Certificação PME), bem como, Small Mid Cap (tal como definido no Decreto-Lei n.º 81/2017, de 30 de junho), localizadas na Região Autónoma dos Açores, que desenvolvam atividade na lista de CAE enquadráveis e que cumpram os demais critérios de elegibilidade previstos no Documento de Divulgação (Documento disponível para download no final desta página), dos quais salientamos os seguintes requisitos:

  • Não tenham incidentes não regularizados junto de instituições de crédito e do Sistema de Garantia Mútua, à data da emissão de contratação da garantia;
  • Tenham a situação regularizada junto da Administração Fiscal e da Segurança Social;
  • Que não eram consideradas como empresas em dificuldades a 31/12/2019, nos termos do n.º 18 do artigo 2.º do Regulamento da Comissão Europeia n.º 651/2014, de 17 de junho, resultando as dificuldades atuais do agravamento das condições económicas pela epidemia do COVID-19, exceto no caso de micro e pequenas empresas, nos termos do disposto na alínea c) do considerando (9) da Comunicação da Comissão Notificação C (2020) 9615 final referente ao State Aid SA.59795 (2020/N) – Portugal COVID-19: Amendment of SA.56873 (2020/N) - Direct grant scheme and loan guarantee scheme, de 22 de dezembro de 2020;
  • Assumam, nos termos de declaração a disponibilizar pelo Banco Português de Fomento, o compromisso de manutenção pelo prazo de seis meses de, pelo menos, 75% dos postos de trabalho comprovados à data de contratação da operação, não sendo consideradas:
    • As cessações de contratos de trabalho que o empregador demonstre terem sido por motivo de invalidez, de reforma por velhice ou por despedimento por facto imputável ao trabalhador, nem as relativas a sócios que deixem de constar da declaração de remunerações entregue na Segurança Social;
    • As cessações ou não renovações do contrato de trabalho, por iniciativa do trabalhador;
    • As transferências entre empresas do grupo;
    • Os contratos de trabalho sazonal.
  • Apresentem uma diminuição de, pelo menos, 25% da faturação no ano de 2020 face ao ano de 2019 ou, no caso de empresas que iniciaram atividade após 1 de janeiro de 2019, declarar uma diminuição de, pelo menos, 25% da faturação média mensal durante o ano de 2020, face à média mensal do período de atividade decorrido até 29 de fevereiro de 2020, considerando apenas os meses civis completos;

É permitido o acesso à presente linha por Empresários em Nome Individual, sem contabilidade organizada, e empresas com atividade há menos de 24 meses, desde que se verifiquem igualmente os restantes critérios de elegibilidade.

Condições

ENTIDADE GESTORA DA LINHA

A Entidade Gestora da Linha é o Banco Português de Fomento, que assume todas as funções de gestão atribuídas no âmbito da presente linha de crédito, nomeadamente o relacionamento com o Banco, com o BPF e as Sociedades de Garantia Mútua.



REGIME DE AUXÍLIOS

As linhas de apoio previstas no presente protocolo são implementadas ao abrigo da decisão de autorização da Comissão Europeia comunicada em 03 de abril de 2020, no âmbito do processo de notificação State Aid SA.56873(2020/N) – Portugal COVID-19: Direct grant scheme and loan guarantee scheme e ao Communication from the Commission - Temporary framework for State aid measures to support the economy in the current COVID-19 outbreak, 19 March 2020, OJ C 91I, 20.3.2020 as amended in 3 April 2020.
Operações Elegíveis
Tipo de Operações
Montante Máximo Financiamento por Empresa
Prazo das Operações e Período de Carência
Amortização de Capital
Prazo de utilização
Garantia Mútua e Contragarantia das SGM
Comissão de Garantia
Juros suportados pelas empresas
Comissões, Encargos e Custos
Colaterais de Crédito
Linha Específica COVID-19 Apoio às Empresas dos Açores
Operações ElegíveisOperações destinadas ao financiamento de necessidades de tesouraria e de fundo de maneio.
Tipo de OperaçõesEmpréstimos bancários de curto e médio prazo.
Montante Máximo Financiamento por EmpresaMicroempresas - 75.000€
Pequenas empresas - 300.000€
Médias empresas - 500.000€
Small Mid Cap - 750.000€

Os montantes máximos de capital do empréstimo acima indicados, para empréstimos com maturidade para além de 31 de dezembro de 2020, não poderão ainda exceder:

  • o dobro da massa salarial anual da empresa em 2019 ou no último ano disponível (incluindo encargos sociais, os custos com o pessoal que trabalha nas instalações da empresa, mas que, formalmente, consta da folha de pagamentos de subcontratantes). No caso de empresas criadas em, ou após, 1 de janeiro de 2019, o montante máximo do empréstimo não pode exceder a estimativa, devidamente documentada, da massa salarial anual dos dois primeiros anos de exploração; ou

  • 25 % do volume de negócios total da empresa em 2019; ou

  • em casos devidamente justificados e com base num plano que estabeleça as necessidades de liquidez do beneficiário, o montante do empréstimo pode ser aumentado para cobrir as necessidades de liquidez a partir do momento em que é concedido para os próximos 18 meses no caso de PME, e para os próximos 12 meses no caso de Small Mid Caps.
  • Prazo das Operações e Período de CarênciaAté 6 anos, após contratação da operação, com carência de capital de até 18 meses.
    Amortização de CapitalPrestações iguais, sucessivas e postecipadas com periodicidade mensal.
    Prazo de utilizaçãoAté 30 dias após a data de contratação das operações, não podendo as Instituições de Crédito atribuir data-valor do crédito na conta do cliente anterior à data da disponibilização efetiva dos fundos.
    Garantia Mútua e Contragarantia das SGMMicro e Pequenas Empresas - até 90%
    Médias Empresas, Small Mid Cap e Mid Cap - até 80%

    As garantias emitidas pelas Sociedades de Garantia Mútua, beneficiam de uma contragarantia do Fundo de Contragarantia Mútuo (FCGM) de 100%.
    Comissão de GarantiaA pagar pela Empresa, postecipadamente e com cobrança única no final da maturidade do empréstimo.

    A comissão de garantia é calculada mensalmente sobre o valor dos saldos vivos garantidos e em dívida em cada momento do tempo, sendo que, para empréstimos superiores a 1 ano, a percentagem a aplicar será aumentada gradualmente ao longo da vigência da garantia aplicando-se a cada período temporal do empréstimo os termos e limites infra:

    Micro, Pequenas e Médias Empresas
    Durante o primeiro ano da vigência da garantia - 0,25%
    Durante o segundo e terceiro ano da vigência da garantia - 0,50%
    Durante o quarto, quinto e sexto ano da vigência da garantia - 1,00%

    Small Mid Cap
    Durante o primeiro ano da vigência da garantia - 0,30%
    Durante o segundo e terceiro ano da vigência da garantia - 0,80%
    Durante o quarto, quinto e sexto ano da vigência da garantia - 1,75%
    Juros suportados pelas empresasOs juros serão suportados integralmente pela empresa e serão liquidados mensal e postecipadamente.

    Taxa de Juro: Por acordo entre o Banco e o cliente, será aplicada uma modalidade de taxa de juro fixa ou variável acrescida de um spread bancário até ao limite máximo indicado no Documento de Divulgação.

    Spread bancário máximo
    Empréstimos até 1 ano de maturidade - 1,00%
    Empréstimos de 1 a 3 anos de maturidade - 1,25%
    Empréstimos de 3 a 6 anos de maturidade - 1,50%
    Comissões, Encargos e Custos
  • Os Bancos poderão cobrar à empresa uma comissão de gestão/acompanhamento anual de até 0,25% sobre o montante de financiamento em dívida;

  • As SGM não cobrarão à empresa qualquer valor pela emissão da garantia, com exceção da respetiva comissão de garantia.

  • As operações ficarão isentas de outras comissões e taxas habitualmente praticadas pelo Banco e pelo Sistema de Garantia Mútua, sem prejuízo de serem suportados pela empresa, todos os custos e encargos, associados à contratação das operações de crédito, designadamente os associados a impostos ou taxas, e outras despesas similares.

  • Nos financiamentos contratados na modalidade de taxa de juro fixa, o Banco poderá fazer repercutir na empresa e os custos em que incorram com a reversão da taxa fixa, quando ocorra liquidação antecipada total ou parcial, ou quando a empresa solicite a alteração de taxa fixa para taxa variável.
  • Colaterais de Crédito
  • Garantia autónoma à primeira solicitação, emitida pelo Sistema de Garantia Mútua, destinada a garantir o capital em dívida em cada momento do tempo.

  • Não será exigido à empresa, nem pelo Banco nem pela SGM, qualquer tipo de aval ou garantia complementar (pessoal ou patrimonial).

  • Poderá ser solicitada uma livrança subscrita pela empresa que não configura a prestação de um colateral, ficando completamente excluída a possibilidade de existência de aval de terceiros.
    A presente informação tem natureza publicitária e não dispensa a consulta de informação pré-contratual e contratual legalmente exigida, não constituindo uma proposta contratual.
    Contratação sujeita a aprovação prévia das entidades envolvidas e sujeita às condições definidas em função do perfil de risco para cada operação.